Páginas

sábado, 31 de março de 2012

Na Hora do Planeta lembre-se: Quem sabe faz a hora, não espera acontecer.


Novamente a Hora do Planeta.... 20h30 às 21h30 apagamos as luzes de nossas casas, monumentos, etc … Ai, ai, ai.... Sou do tempo que se cantava “Quem sabe faz a hora não espera acontecer”.

A Hora do Planeta é um ato simbólico promovido pela Rede WWF no qual governos, empresas e a população demonstram a sua "grande" preocupação com o aquecimento global, desligando as luzes durante esses sessenta minutos. Um momento para refletir sobre nosso estilo de vida e blá, blá, blá.

Fico a perguntar, de quantas horas precisaremos para mudar essa nossa relação? Será que temos tantos anos assim, para mais uma hora, outra hora... Oras bolas. Quem quer muda agora suas atitudes. Não espera.

Confesso que estou ficando sem paciência para esse tipo de ação e para acompanhar os inúmeros eventos internacionais para discutir tratados, planejamentos, acordos e na prática pouco tem sido feito. Ao contrário, no Brasil está para ser votado um Novo Código Florestal que vai nos levar a um grande retrocesso.

Porém, as luzes do Senado se apagarão... Vamos apagar as luzes do Cristo Redendor, ao todo serão mais de 546 monumentos, sem falar de prédios comerciais, empresas etc... Ato de fato simbólico porque, infelizmente, não mudará em nada nossa absurda realidade.

Mas gerará imagens. Vivemos ou não em um mundo de imagens, recortes e contradições? Uma ficção. Governos, empresas, pessoas muito preocupadas com essa questão vão produzir vídeos promocionais demostrando que ficaram no escuro... Quem sabe ganharão créditos na consciência!!!

Escuridão... Talvez esteja ai o símbolo real desse ato, pois é onde estamos. Que estranho! A cultura que emergiu com a energia elétrica é sem duvida a mais cega de todas. Deixou a razão às escuras para questões tão obvias como essa: somos dependentes da Terra e não ao contrário.

Mudou nossa relação com o planeta nos dando por um curto espaço de tempo, um pouco mais de uma hora, a estupidez necessária para causar sérios danos a ele. Um mundo cujas regras gira em torno do consumo desenfreado e desnecessário de matéria e mais matéria, extraída dessa Terra. Para as coisas a partir dessa matéria interferimos na atmosfera... Para descartá-la descarregamos me nossas águas. Abalamos um perfeito equilíbrio devido nosso desiquilíbrio ético. Mas, a Terra se regenerá. ;) Ela tem seus ciclos e processará sua cura independente desse elemento virolento que a habita. No fundo é o que somos para esse corpo que nos hospeda.

Mas, hoje vamos dar 60 minutos para pensarmos no Planeta.

Continuarei nessa hora a pedir o que peço a cada momento:

Perdão a nossa Terra por não escutarmos seus apelos e 

continuarmos navegando nesse mar de arrogância e estupidez.

Luz às mentes e corações humanos. 
Que essa luz penetre nossas células e
 nos leve a realizar mudanças necessárias em nossas vidas.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recent Posts